Casa velha popup
DN
POPULAÇÃO ASSUSTADA

Quatro assassinatos são registrados em menos de uma semana na região de Barra do Garças

O homicídio mais recente ocorreu na noite desta sexta (23), em Araguaiana; Jeferson Alves da Silva Santos, de 35 anos, foi morto com vários tiros de pistola

24/04/2021 14h41
Por: Redação Canarana em Foco
Fonte: Semana7
PJC
PJC

Mais um homicídio foi registrado na região do entorno de Barra do Garças. Jeferson Alves da Silva Santos, de 35 anos, foi morto com vários tiros de pistola, por volta das 21 horas desta sexta-feira (23), em Araguaiana. Este é quarto crime de execução por arma de fogo somente nesta semana.

Segundo informações Jeferson era conhecido como ‘G’, tinha passagem por tráfico em Araguaiana e era dependente químico. Conhecidos relatam que ele estava tentando mudar de vida e trabalhava ‘fazendo’ tijolo.

Já na noite desta terça-feira (20), o motociclista Jeferson Custódio dos Santos, de 32 anos, que esteve preso por tráfico, foi alvejado com vários disparos na cabeça ainda em cima da moto quando passava perto do clube da Associação dos Fiscais Fazendários de Mato Grosso (Affemat), no setor Luzia Maria de Moraes, em Pontal do Araguaia.

Já no último domingo (18), dois assassinatos com indícios de execução premeditada ocorreram em Aragarças (GO), cidade goiana vizinha à Barra do Garças. As vítimas foram Aldair Oliveira, de 29 anos, e Joelma de Jesus Santos, de 30 anos.

Joelma, que era usuária de drogas e suspeita por tráfico no município, foi morta com vários tiros na varanda do quitinete, no setor Bela Vista, por volta das 21h.

Já Aldair sobreviveu a primeira tentativa de homicídio, sendo socorrido e levado ao Hospital Municipal Getúlio Vargas, onde o estado de saúde dele, até então, era estável. No entanto, um elemento aproveitou o instante em que a Polícia Militar atendia uma outra ocorrência na cidade, entrou pela porta dos fundos da unidade, foi até o quarto onde Aldair estava internado e efetuou mais disparos, causando a morte da vítima.

Devido as mortes em um curto período, moradores das cidades de Pontal, Barra do Garças e Aragarças ficaram apreensivos com a onda de assassinatos. Apesar de não haver indícios de ligação entre os assassinatos, as autoridades não descartam a suspeita de uma ‘guerra’ de facções pelo comando da venda de drogas na região.

Outros homicídios em 2021

Além destes quatro homicídios recentes, outras mortes também ocorreram na região de Barra do Garças nos primeiros meses deste ano.

Geraldo José da Silva, de 58 anos, o Geraldão da Marcenaria, foi assassinado a tiros na manhã do dia 21 de janeiro em Barra do Garças. A vítima dirigia na região do bairro Novo Horizonte quando dois homens em uma moto se aproximaram e dispararam contra o veículo ainda em movimento. Ferido, o marceneiro bateu o carro em um muro de uma residência e morreu ainda no local.

Já no início de fevereiro, no dia 5, Gean Aparecido Maia Rios, 37 anos, foi brutalmente espancado e morto com pedradas e pauladas, em Aragarças. A Polícia Civil de Aragarças identificou três adolescentes que assumiram a autoria do crime e, por meio do levantamento de informações, chegou a outros dois suspeitos, maiores de idade. Após as investigações, as autoridades concluíram que a ação teria sido ordenada pelo membro de uma facção criminosa que após o ocorrido foi preso pela prática de outro crime, e, atualmente está recluso a cadeia pública do município.

No dia 15 de fevereiro, os corpos do casal Marylia Eduarda Ferreira Gonçalves, 19 anos, e Marcus Otávio da Cruz Melo, 20 anos, foram encontrados em avançado estado de decomposição, em um sítio, às margens da BR-070. Pouco mais de um mês após o crime, uma operação da Polícia Civil de Barra do Garças apreendeu dois adolescentes envolvidos na ocultação de cadáver e homicídio duplamente qualificado do jovem casal.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Canarana - MT
Atualizado às 10h06
29°
Tempo aberto Máxima: 32° - Mínima: 18°
28°

Sensação

11.3 km/h

Vento

38.1%

Umidade

Fonte: Climatempo
Blogs e colunas
Últimas notícias
Mais lidas